VOZES DA POESIA / POESIA EM VÁRIOS TONS / POESIAS BRASILEIRAS / UM PASSEIO POR MINAS GERAIS / A POESIA DE Ineifran Varão Vols.I e II / POEMAS BRASILEIROS / CAUSOS E CORDÉIS / VARANO I E II / AMOR QUASE IMPOSSÍVEL / VEREDAS / UM PASSEIO PELO MARANHÃO

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

FOLHETIM


Igual um folhetim, andei cidades;
pores do sol eu vi de várias cores;
nos botequins da vida tive amores,
cheios de fantasias e verdades!

Banhei todos os elos com saudades,
no cheiro que é das rosas e das flores;
o tempo um dia roubou-me os seus olores
e nunca mais me trouxe as novidades...

Andei nos corações, andei nas mentes,
andei muitos rincões, plantei sementes,
que, germinadas, nem sabem de mim!...

Indago e calo em mim... a vida segue
e, cada um por si, ninguém percebe
...que é parte desse imenso folhetim!