Vozes/Poesia em Vários Tons/Poesias Brasileiras/Um Passeio por Minas Gerail/A Poesia de Ineifran Varão vols.I e II/Poemas Brasileiros/Causos e Cordéis/Varano/Varano, o poema sonoro

quarta-feira, 4 de julho de 2012

RONDEL DE UM SONHO


 
Tornou-se apenas o fantasma dos meus dias
Aquele sonho que embalava a esperança...
Dos seus castelos impregnados de magias
Suspira em ais sempre fugazes a lembrança...

Mostrou-me a graça nas imagens fantasias,
Depois as faces, pouco a pouco, em confiança.
Tornou-se apenas o fantasma dos meus dias
Aquele sonho que embalava a esperança...

Jamais mostrou-se inteira em face sem fatias!
Fantasmagórico vislumbre fez-se herança!
Deixou tristeza, carregou-me as alegrias...
Por muitas vezes fez-me adulto e até criança...
Tornou-se apenas o fantasma dos meus dias...

Leave your comments