VOZES DA POESIA / POESIA EM VÁRIOS TONS / POESIAS BRASILEIRAS / UM PASSEIO POR MINAS GERAIS / A POESIA DE Ineifran Varão Vols.I e II / POEMAS BRASILEIROS / CAUSOS E CORDÉIS / VARANO I E II / AMOR QUASE IMPOSSÍVEL / VEREDAS / UM PASSEIO PELO MARANHÃO

sexta-feira, 27 de maio de 2016

TEUS VERSOS



                               Os versos que de ti me vejo a ler
                               invadem-me sutis em suas nuanças,
                               percorrem meus sentidos feito tranças
                               e enroscam-se perdidos no meu ser.

                               Evolam-se depois sem eu saber,
                               levando aqui de mim velhas lembranças,
                               que um dia perfuraram-me quais lanças...
                               Teus versos reconduzem meu viver...

                               Da vida toda essência há nos escritos,
                               a ponto de arrancar de mim meus gritos,
                               há tempos nas entranhas arraigados!

                               São versos que acomodo aqui no peito
                               − pois sempre eu os lerei, qual um preceito −
                               e ao fim, darei ao mundo em meus legados!