Vozes/Poesia em Vários Tons/Poesias Brasileiras/Um Passeio por Minas Gerail/A Poesia de Ineifran Varão vols.I e II/Poemas Brasileiros/Causos e Cordéis/Varano/Varano, o poema sonoro

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

CHEGA DE ABUSOS!

De tanto respirar o que é propina,
de ver a educação em decadência;
de tanto ouvir e ver a violência,
de ver o desrespeito em cada esquina,

louvores devo às aves de rapina,
pois lutam pela sua sobrevivência!
− Pior é o ser humano sem consciência,
que extorque, fere e mata em sua rotina!

Não há como ficar sem fazer nada,
tentando se esquivar nessa empreitada,
enquanto a fraudulência ali campeia!

A força que nos guia é bem mais forte!
É árvore que nunca tomba ao corte,
princípio que nos move, nos norteia!