Vozes/Poesia em Vários Tons/Poesias Brasileiras/Um Passeio por Minas Gerail/A Poesia de Ineifran Varão vols.I e II/Poemas Brasileiros/Causos e Cordéis/Varano/Varano, o poema sonoro

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

DEFEITOS


Tenho defeitos... Ah! E como os tenho!
Um deles é te amar sem ter medida...
Ah! Outro é te encontrar por esta vida
E me sentir tão prosa em ser teu lenho...

Tenho defeitos, sim, e mais me empenho,
Em te fazer assim minha querida.
Se um dia andei distante, hoje aqui venho,
Em busca da tua voz nunca esquecida!

Não há sentido em ter-te tão distante,
Quando o que eu quero é ver-te nesse instante,
Para matar saudades que guardei...

Em nesga a lua eu vi... Lá te encontrei
Entre as estrelas, inda que minguante...
Outro defeito... Amei-te... Ah... Como amei!