Vozes/Poesia em Vários Tons/Poesias Brasileiras/Um Passeio por Minas Gerail/A Poesia de Ineifran Varão vols.I e II/Poemas Brasileiros/Causos e Cordéis/Varano/Varano, o poema sonoro

domingo, 21 de outubro de 2012

AOS VISITANTES


AOS VISITANTES dou boas vindas, com o prazer de quem mostra sua própria casa às pessoas queridas. Terei prazer também em visitá-los, em seus próprios blogs ou sites. 
Dou-me o direito de não mais postar nas dezenas de grupos abertos, criados, muitas vezes, para o congraçamento de poetas, que, como tais, teoricamente visam a poesia, sua divulgação e deleite. Não me julgo melhor nem pior do que ninguém. 
Respeito o gosto e o direito que os demais têm de ler, aceitar, comentar, criticar seus autores. Porém, confesso o meu desapontamento diante do descaso da maioria de “postadores”, sejam poetas ou simpatizantes, aos escritos da maioria. 
Aqui, sinto-me em casa. 
Escrevo sem pretensão de aparecer. 
Aos que aqui vierem, trato-os com o respeito e carinho devidos, e agradeço-lhes a visita. 
Lá, infelizmente, a decadência trouxe a baixa qualidade, fruto do desleixo em aprender e zelar pela boa poética. Há pessoas que postam poemas que nada têm a ver com soneto, por exemplo, mas o chamam assim; seria bom que essas pessoas estudassem, pesquisassem, antes de nominar uma das formas poéticas mais belas e antigas, porém, de uma beleza sem par. 
Há pouco, no dia do poeta, postei uma homenagem aos inúmeros poetas e ‘poetas’... Sequer houve um agradecimento, aliás, houve uns três... Por quê? Porque ali tornou-se uma banca de textos, onde posta quem quer, o que quer, e lê quem não vive enclausurado no seu próprio ego. 
Virou uma vitrine de 1,99! É a exposição do ego, sem leilão, sem leitor, sem prego! Lamentável! 
http://ineifran.blogspot.com